Metodologia

Metodologia da Interação Expressiva

Com base no Método de Desenvolvimento Natural, criado pelaprofessora Maria de Lourdes Pereira da Silva, a diretora Júlia Maria Passarinho desenvolveu a Pedagogia da Interação Expressiva. Um processo humanista, em que o respeito à expressão artística e ao pensamento individual de cada aluno é valorizado, resultando na formação de cidadãos independentes, participativos e determinados a realizarem seus projetos pessoais.

Na Pedagogia da Interação Expressiva o aluno é respeitado como pessoa. É favorecido na busca da auto percepção e incentivado na sua autonomia. Isto faz com que se transforme no construtor do seu processo de aprendizagem.

Emoções, memória, raciocínio, experimentos e ludicidade estão sempre associados ao conhecimento adquirido.

O conhecimento sistematizado não é tratado de forma dogmática e em significado. Nesta prática educacional, o aluno descobre o valor de sentir, do perceber, do construir, do solucionar. Ele explora, conclui, conceitua e aprende dando sentido prático aos conteúdos estudados. Tem consciência do que é, do que pode e do que sabe, buscando constantemente o próprio aperfeiçoamento.

O domínio do conhecimento permite ao aluno realizar com independência os deveres de casa, numa sistematização prazerosa dos conteúdos. O aluno é sempre lembrado que a produtividade é diária. Participação, interesse e empenho são constantemente registrados, avaliados e revisados. Habilidades, limites, produções e participações são importantes para o processo de avaliação.

A aprendizagem transforma-se em ação investigadora, em processo científico, permitindo ao aluno a vivência e a emoção das próprias descobertas, estimulando a grande aventura do conhecimento, na Educação Infantil e no Ensino Fundamental. Disciplina e responsabilidade são conseqüências naturais de todo o processo de aprendizagem, uma vez que conflitos e circunstâncias cotidianas são instrumentos de análise que incentivam a renovação e o crescimento do indivíduo.